Uma mãe palmeira se despede…

Dona Dijé

Recebemos esta manhã a triste e inesperada notícia do falecimento de dona Dijé, Maria de Jesus Ferreira Bringelo, liderança do Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu – MIQCB.

Mãe, avó, liderança comunitária, quebradeira de coco, artista, dona Dijé foi e continuará sendo um referencial para a luta das comunidades tradicionais e originárias, inspiração de vida para muitos que levam a vida no campo sob o olhar da agroecologia.

Levou a realidade e o exemplo das Quebradeiras de Coco Babaçu pelo mundo, com seus exemplos de luta, fala e cultura, compondo o grupo das Encantadeiras de Coco Babaçu.  Mostrou sua voz e força no Terra Madre Brasil 2007, em Brasília, e no Terra Madre 2008, em Turim. Nesse momento, o Slow Food Brasil e o Slow Food Internacional prestam condolências ao Quilombo Monte Alegre, em São Luís Gonzaga (MA), à Comunidade do Alimento Quebradeiras de Coco Babaçu da Comunidade Ludovico, Lago do Junco (MA), ao MIQCB, à ASSEMA (Associação em Áreas de Assentamentos do Estado do Maranhão) e à todas as Quebradeiras de Coco Babaçu e suas famílias.

Muito além das matas de babaçu, dona Dijé representa a essência da luta pelos territórios tradicionais e pela dignidade de seus povos, no sentido claro de que o uso verdadeiro e conectado dos recursos naturais é o caminho certeiro para existência do homem coletivo, esse que é capaz de se dar conta que também faz parte da natureza.

Que honremos a luta e as conquistas de dona Dijé e das Quebradeiras de Coco Babaçu deste Brasil, pelo acesso ao seu território, pelo babaçu livre, pelo direito de exercer sua cultura e seu modo de viver. Que nos apoiemos em suas falas e respeitemos seu ensinamentos. Que siga inspiração para muitos movimentos na luta pela terra, pela conservação da paisagem e pela defesa da biodiversidade.

Vai tranquila, mulher guerreira. Você deixa pra gente um patrimônio imensurável de esperança.

Com pesar e agradecimento, Slow Food Brasil.

 

Deixe um comentário:

Últimas notícias

Visual Portfolio, Posts & Image Gallery for WordPress

Terra: a mãe de todas as lutas

Democratizar o acesso à terra e ao alimento bom, limpo e justo é dar condições à vida Confluindo com o mês de visibilidade às lutas dos povos originários, em abril, iniciaram as...

Peixe de Varal

Pescados artesanais, cozinha local, sabedoria caiçara, tempo, sol e mar,  são esses os ingredientes que da Peixe de Varal. Angélica Souza é pescadora, cozinheira e empreendedora na Peixe de Varal. É um...

Território e Cultura Alimentar no Ceará

Projeto propõe ações de fortalecimento junto a comunidades indígenas cearenses A confluência entre a Associação Slow Food do Brasil (ASFB), a Secretaria de Desenvolvimento Agrário, através do Projeto São José, e a...