jaguaribara 77

O peixe que comemos

jaguaribara 77

O consumo de peixes e frutos do mar tem sido impactado, em todo o mundo, por uma instigante questão: como comer pescados em boa quantidade e diversidade, sem agredir o meio ambiente? Alguns peixes muito consumidos já se encontram à beira da extinção, como algumas espécies de atum, o cherne, o mero e vários outros.

A necessidade de diversificar o consumo, além de ser importante para o ambiente, é também decisiva para a saúde, pelos teores nutricionais, e para a economia, por ser preciso quebrar o quase monopólio da venda de espécies mais caras como o salmão e o saint-peter.
O governo, através do Ministério do Meio Ambiente, está preocupado com a preservação das espécies de pescados, o que se manifestou agora em 17 de Dezembro passado na Portaria 445: ela lista 475 espécies de peixes frutos do mar, proibindo a pesca de 334 delas.
Pescadores, comerciantes, chefs de cozinha e consumidores estão analisando a Portaria: alguns discordam da inclusão, entre os proibidos, do pargo, do cação e das raias; outro discutem as formas de controle da Portaria, outros ainda a repercussão dela na culinária brasileira.
Por considerar o assunto da maior importância, o Centro de Pesquisas em Gastronomia Brasileira está organizando uma Mesa Redonda: “O Peixe que Comemos: Pesca, Regulamentação e Gastronomia”, com a participação de chefs de restaurante como Cauê Tessuto (A Peixaria) e Ivan Ralston (Tuju); um produtor e distribuidor como Sérgio Cayres Pinto (Le Coquililer), e estudiosos como Adriana Meira (Slow Fish) e Cintia Miyaji (Unimonte).
O debate será realizado na Universidade Anhembi Morumbi, em sua Cozinha de Demonstração do Campus Vila Olimpia, à Rua Casa do Ator, 340, dia 28 de Abril às 19 horas.

Debate/Mesa Redonda:

O PEIXE QUE COMEMOS
Pesca, regulamentação e gastronomia
Apoio: Slow Fish Brasil

Participação:
Abertura: Rosa Moraes (Laureate)
Cauê Tessuto (A Peixaria)
Adriana Meira (Slow Fish)
Ivan Ralston (Tuju)
Sérgio Cayres Pinto (Le Coquililer)
Cintia Miyaji (Unimonte)
Mediação: Ricardo Maranhão (Anhembi Morumbi)

Dia 28 de Abril às 19 horas – Cozinha de Demonstração
Rua Casa do Ator, 340, Vila Olimpia
Escola de Negócios e Hospitalidade – Universidade Anhembi Morumbi

Imagem : MPA

Leave a Comment:

Últimas notícias

Visual Portfolio, Posts & Image Gallery for WordPress

7

Transumância

Date 5 dezembro, 2022
Era uma manhã de domingo nublada, um pouco chuvosa. Final de outubro, outono em Madrid. Algumas das principais ruas do centro da...

Dona_joana_manue_foto_Jussara_Dantas

Três vezes manuê

Date 1 dezembro, 2022
O manuê ou manauê é um bolo de milho e melado de cana com muito sabor e muita história. Faz parte do...

WhatsApp-Image-2022-11-17-at-16.22.06

“É preciso mudar radicalmente o sistema alimentar vigente”, defende Carlo Petrini, fundador do movimento Slow Food, em evento realizado em São Paulo no início de novembro de 2022.

Por mais ativismo alimentar na gastronomia

Date 18 novembro, 2022
“É preciso mudar radicalmente o sistema alimentar vigente”, defende Carlo Petrini, fundador do movimento Slow Food, em evento realizado em São Paulo...

taioba Festival Arca do Gosto 2016

Festival Arca do Gosto

Date 16 novembro, 2022
O Festival Arca do Gosto é um festival ecogastronômico voltado para a sensibilização de restaurantes e comensais sobre a biodiversidade e os...