Biodiversidade, Arca do Gosto e Fortalezas Slow Food

Biodiversidade, Arca do Gosto e Fortalezas Slow Food

Clique e faça download do livro “Biodiversidade, Arca do Gosto e Fortalezas Slow Food” (PDF 14Mb)

Biodiversidade, Arca do Gosto e Fortalezas Slow Food: um guia para entender o que são, como se relacionam com o que comemos e como podemos apoiá-las é uma publicação que compila, atualiza, amplia e adapta conteúdos das cartilhas A BiodiversidadeA Arca do GostoAs Fortalezas Slow Food, à realidade brasileira. Conta sobre a origem do Slow Food e suas principais atividades e projetos. São informações a respeito de como tudo começou, nosso posicionamento sobre biodiversidade e os principais projetos do movimento ligado ao tema (Arca do Gosto e Fortalezas Slow Food). Na seção dedicada à Arca do Gosto, contamos quais sãos os critérios para a seleção dos alimentos e como é possível indicar um produto, por exemplo. O guia segue com uma explicação sobre as Comunidades do Alimento  e, no capítulo das Fortalezas, discorremos sobre o passo-a-passo para criá-las, coordená-las, promovê-las e valorizá-las, dentre outras informações relevantes. Na sequência, são apresentadas ainda informações sobre divulgação, campanhas e etiquetas narrativas.

O material teve projeto gráfico da DoDesignBrasil.

Tenha uma boa leitura!

Sumário da publicação:

  1. Slow Food e a Biodiversidade
    1.1 Slow Food, como tudo começou
    1.2 Temas e Campanhas
    1.3 A Árvore do Alimento
    1.4 Biodiversidade segundo o Slow Food
    1.5 Saiba mais (Livros e Filmes)
  2. Arca do Gosto
    2.1 Quais os critérios de seleção de um produto?
    2.2 Regras gerais
    2.3 Como indicar um produto
    2.4 Como divulgar a Arca do Gosto
  3. Comunidades do Alimento e Fortalezas Slow Food
    3.1 Comunidades do Alimento
    3.2 Fortalezas Slow Food
    3.3 Quem coordena as Fortalezas Slow Food?
    3.4 Passos para criar e coordenar uma Fortaleza Slow Food
    3.5 Reunir os produtores
    3.6 Fundos para criar e apoiar as Fortalezas Slow Food
    3.7 Promover e valorizar as Fortalezas Slow Food
    3.8 Divulgar as Fortalezas Slow Food
    3.9 As campanhas do Slow Food
    3.10 As etiquetas narrativas
    3.11 Uma marca para as Fortalezas Slow Food
  4. Referências Bibliográficas

Esta publicação foi elaborada no âmbito do projeto

Leave a Comment:

Últimas notícias

Visual Portfolio, Posts & Image Gallery for WordPress

revolta_dos_males

A revolta dos malês e a comida baiana

Date 24 janeiro, 2023
por Patrícia Nicolau e Ednilson Andrade, integrantes do coletivo Antirracismo Slow Food A revolta constituída de quase 600 homens, majoritariamente muçulmanos e...